ENTRESSEIO

s.m. 1-vão, cavidade, depressão. 2-espaço ou intervalo entre duas elevações. HUMOR, CURIOSIDADES, UTILIDADES, INUTILIDADES, NOTÍCIAS SOBRE CONSERVAÇÃO E RESTAURO DE BENS CULTURAIS, AQUELA NOTÍCIA QUE INTERESSA A VOCÊ E NÃO ESTÁ NO JORNAL QUE VOCÊ COSTUMA LER, E NEM DÁ NA GLOBO. E PRINCIPALMENTE UM CHUTE NOS FUNDILHOS DE NOSSOS POLÍTICOS SAFADOS, SEMPRE QUE MERECEREM (E ESTÃO SEMPRE MERECENDO)

30 abril, 2010

E CHEGAMOS AO TÃO ESPERADO FIM DE SEMANA.
SÁBADO É DIA DO TRABALHO, E NINGUÉM TRABALHA.
ESTAREI AQUI NA SEGUNDA FEIRA.

Marcadores:

PLAQUINHA DE HOJE - 30-4-10

Série: Crítica
"DIFERENTE DA GESTAÇÃO,
NA ECONOMIA A BOLSA
SÓ ESTOURA QUANDO
FICA VAZIA!"

Marcadores:

ATUALIDADES - 12-4-10

Revista 'Time' escolhe Lula como um dos líderes mais influentes do mundo
Presidente brasileiro aparece em lista com americano Barack Obama.
Político brasileiro Jaime Lerner é citado entre 'pensadores'.

Em ilustração da Time, Lula está ao lado do
ex-presidente americano Bill Clinton e da modelo
Liya Kebede (Foto: Reprodução/Revista Time)

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva é um dos líderes mais influentes do mundo, segundo lista divulgada pela revista americana 'Time' nesta quinta-feira (29). Em um primeiro momento, a imprensa chegou a divulgar que ele seria o líder mais influente, pelo fato de Lula ser o "número um" da lista publicada no site da revista - uma lista numerada de 1 a 25 e que não está em ordem alfabética.
A revista posteriormente explicou que não há um ranking entre os líderes citados. Segundo o setor de Relações Públicas da revista, a decisão de colocar Lula com o “número um” se deu meramente por “razões editoriais”. “Os editores da revista consideraram que seria mais interessante colocar o texto de Michael Moore sobre Lula como o primeiro, o que não significa que exista um ranqueamento”, explicou a assessoria.
No release divulgado pela revista, por exemplo, a assessoria divulga a relação completa de líderes influentes e nesta lista o presidente Lula aparece numa posição diversa: a de número 13. Veja o release divulgado por Amy Rosen.
No texto sobre Lula, o documentarista Michael Moore apresenta uma breve biografia do presidente. "O que Lula quer para o Brasil é o que nós [dos Estados Unidos] costumávamos chamar de sonho americano", avalia.
A revista faz uma tradicional indicação anual das 100 pessoas mais influentes do mundo nas categorias "líderes", "heróis", "artistas" e "pensadores". O presidente americano Barack Obama também aparece na lista de líderes mais influentes da revista.
Bill Clinton aparece na lista dos heróis e teve sua apresentação redigida por Bono, e Lady Gaga na lista de artistas mais influentes, apresentada por um artigo de Cyndi Lauper. Na categoria pensadores, está o ex-governador do Paraná Jaime Lerner.
Outras homenagens
Lula já havia recebido outras homenagens de jornais e revistas importantes no cenário internacional. Em 2009, foi escolhido pelo jornal britânico "Financial Times" como uma das 50 personalidades que moldaram a última década.
Também foi eleito o "homem do ano 2009" pelo jornal francês 'Le Monde', na primeira vez que o veículo decide conferir a honraria a uma personalidade. No mesmo ano, o jornal espanhol 'El País' escolheu Lula o personagem do ano. Na ocasião, Zapatero redigiu o artigo de apresentação do brasileiro e disse que Lula 'surpreende' o mundo.
G 1

Marcadores:

EXPOSIÇÕES - 30-4-10

Florianópolis-SC - Duas exposições no Museu Victor Meirelles
Abre hoje, às 19 horas, no Museu Victor Meirelles, em Florianópolis, a exposição “Deserto de Real”, da artista Milla Jung. A mostra apresenta uma série de fotografias que remetem à natureza, em suportes que deslocam objetos de seus sentidos comuns. O Victor Meirelles ainda recebe hoje a 15ª edição do Projeto Diálogos com a Desterro, com a artista Raquel Stolf. O museu fica na rua Victor Meirelles, 59, Centro, (48) 3222-0692. Gratuito.
A Notícia

São Paulo-SP - Mostra Tripé
Nesta sexta edição, o Tripé ampliará a sua abrangência e terá uma nova linha conceitual, com a presença de três importantes expoentes da cena de artes visuais fora do eixo Rio-São Paulo: representando o nordeste, Delson Uchôa, José Paulo e Juliana Notari irão expor oito peças em grandes dimensões que vão ocupar os cerca de 515 m² do Hall do Teatro. Essa ampliação no universo dos artistas convidados foi possível por conta da parceria entre o SESC Pompeia com Lucia Santos, proprietária da Galeria Amparo 60, de Recife. No cenário das artes, a galeria assumiu uma tarefa importante na produção contemporânea e na formação de público apreciador e atualmente funciona como ponto de encontro entre os artistas, colecionadores e o público.
Até 25 de Julho, de terça a sábado, das 10h às 20h, domingos e feriados, das 10h às 17h
SESC Pompéia
Rua Clelia, 93 (Perdizes)
Tel: (11) 3871-7700 3865-0324
Ingressos: Grátis
Sampa Online

Marcadores:

CURSOS - 30-4-10

Agudos-SP - Curso ensina técnica de pintura com cera de abelha
O pintor Marcelo Tanaka abre pela primeira vez seu ateliê em Agudos para um grupo de artistas plásticos, que participarão, de hoje ao dia 29 de um workshop com oficinas sobre técnica de pintura encáustica.
Tanaka se tornou o mestre desta técnica e tem sido convidado por várias universidades pelo Brasil para divulgar esta técnica de pintura milenar, que utiliza cera de abelha como matéria prima.
Tanaka, que tem atuado na vida cultural de Agudos, nesta oportunidade receberá artistas de São Paulo, Bauru, Santos, São José dos Campos, Jundiaí, Avaré e Pederneiras. Outras informações pode ser obtidas pelo telefone (14) 3261-4428.
Jornal da Cidade de Bauru

Brasília-DF - Curso Tutela do patrimônio cultural brasileiro: desafios para a atuação do MPF
A Escola Superior do Ministério Público da União vai realizar o curso de formação "Tutela do patrimônio cultural brasileiro: desafios para a atuação do Ministério Público Federal" nos dias 11, 12 e 13 de maio de 2010 em Brasília.
O curso foi proposto à ESMPU pelo GT Patrimônio Cultural da 4ª Câmara de Coordenação e Revisão e tem como objetivo propor estratégias de ação para o MPF na defesa do patrimônio cultural.
Durante o evento serão analisadas as diversas políticas públicas de proteção ao patrimônio cultural imaterial, móvel, paisagístico e arqueológico, além das políticas de fomento. Representantes do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional, da Marinha, do Arquivo Nacional entre outros serão palestrantes no curso.
A Escola vai disponibilizar 30 vagas para membros do MPF, que terão custeadas as passagens e hospedagem em Brasília. O Edital deverá ser divulgado pela ESMPU nos próximos dias.

Marcadores:

CULTURA, PATRIMÔNIO CULTURAL E HISTÓRICO - 30-4-10

Iphan fiscaliza revitalização da Estrada de Ferro Madeira Mamoré
PORTO VELHO - O arquiteto do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN), João Leme Galvão, veio esta semana a Porto Velho vistoriar a restauração realizada na Estrada de Ferro Madeira Mamoré (EFMM).
A obra de revitalização começou em 2007 e está com 70% do trabalho concluído no pátio principal da ferrovia. O investimento é de mais de R$ 20 milhões. Parte do recurso é das compensações ambientais das usinas e o restante vem do Governo Federal e Prefeitura, que é a responsável pela obra.
Além das obras na estrutura e da limpeza da estação, o projeto inclui a reativação de uma locomotiva. A previsão é que o percurso seja de cerca de 400 metros.
TV Rondônia

Professores e alunos do Curso de Conservação e Restauro participam de projeto multidisciplinar para a preservação de artefatos arqueológicos.
Docentes e discentes do Curso de Conservação e Restauro desde o dia 31 de março atuam junto à equipe que realiza escavação arqueológica na localidade de “Totó”, sítio pré-histórico guarani, na beira da Lagoa dos Patos.
Jaime Mujica, prof. Dr. do Curso de Conservação e Restauro da UFPEL, explica que esta escavação integra o projeto de mestrado do arqueólogo Aluísio Alves, sendo ela o ponto de partida de diversas atividades realizadas no local.
Participam também, dos trabalhos, alunos e professores dos cursos de História, Geografia, Arqueologia e Museologia da UFPEL, envolvidos em diferentes etapas do projeto, que vão da coleta de amostras, intervenções de conservação no próprio local e acondicionamento de materiais. Professores e alunos da FURG, ex-alunos da UFPEL, arqueólogos, biólogos, historiadores, etc, também integram a equipe de trabalho.
Durante o mês de abril, uma equipe uruguaia de quatro alunos representando o Programa de Arqueologia Subacuática (PAS) da Universidad de la República Oriental del Uruguay, trabalhou no local e ministrou palestras sobre conservação de materiais subaquáticos para os alunos do Curso de Conservação e Restauro, efetivando um exercício de cooperação internacional.
Mujica explica que o trabalho no sítio arqueológico objetiva comparar e discutir metodologias de conservação in situ de materiais arqueológicos e estabelecer pautas para intercâmbios e projetos conjuntos entre a UFPEL e a Universidad de la República de Uruguay. Os alunos, além de participarem da escavação, discutem diversos temas vinculados às distintas áreas de atuação, dirigidos pelos docentes e especialistas envolvidos no projeto.
Até o momento foram encontrados abundantes restos de cerâmica guarani, assim como restos de fauna e alguns fragmentos líticos, como afiadores. A área ocupada pelos guaranis no local de estudo parece ser maior do que se estimava a priori, o que vai fazer com que a equipe procure novas fontes de financiamento para poder dar continuidade aos trabalhos.

Equipe multidisciplinar formada por professores e alunos realiza escavações arqueológicas


São Roque-SP - Capela e a casa grande do sítio Santo Antonio integram projeto da Secretaria da Educação do Estado
A capela e a casa grande do sítio Santo Antonio estão recebendo desde a última semana grupos de alunos de escolas públicas estaduais da região que visitam o patrimônio histórico de São Roque para aprender mais sobre a história do Estado de São Paulo. A ação faz parte de um projeto desenvolvido pela Secretaria da Educação do Estado de São Paulo, Lugares de Aprender: a Escola Sai da Escola, incluso no programa “Cultura é Currículo”.
Neste projeto os alunos do ensino fundamental e médio estudam os Bandeirantes e depois visitam lugares históricos. Lugares de Aprender: a Escola Sai da Escola, tem como objetivo promover o acesso de professores e alunos da rede pública estadual paulista de ensino a museus, centros, institutos de arte e cultura e a parques, como atividade articulada ao desenvolvimento do currículo, e foi concebido em acordo com a Proposta Curricular do Estado de São Paulo, observando as orientações pedagógicas da Coordenadoria de Estudos e Normas Pedagógicas (CENP).
A visita ao patrimônio histórico de São Roque é proporcionada por meio de um termo de cooperação entre Fundação para o Desenvolvimento da Educação (FDE) e a prefeitura que disponibiliza um monitor e um professor da rede municipal para orientar os alunos no local.
O projeto foi retomado este ano. Em 2009, São Roque foi escolhida pela Secretaria e recebeu mais de três mil alunos da rede estadual de escolas de Ibiúna, Araçariguama, Mairinque, Vargem Grande Paulista e também do município.
As visitas são agendadas antecipadamente pelas escolas na delegacia de ensino local e acontecerão até dezembro todas as terças, quartas e quintas-feiras. No programa, os estudantes assistem a um vídeo de oito minutos que fala do Vinho e da fundação do patrimônio histórico gravado pela TV Cultura, recebem orientações sobre a história do local e depois com o monitor percorre as dependências do sítio.
Os alunos aprovam a iniciativa e destacam que as visitam aos locais históricos ajudam no aprendizado. “É interessante conhecer a história dos Bandeirantes e saber como tudo aconteceu, nada mais interessante do que visitar os locais que fizeram parte dessa época, isso contribui para o nosso aprendizado”, comentam as alunas do 2º colegial da escola Umberto Victor Azzo de Araçariguama, Jéssica Reis e Aline Maria, que estiveram em visita ao Sítio Santo Antonio na quinta-feira, 22.
O chefe da Divisão de Turismo, Sandro Cobello, também comenta que sempre teve a intenção de fomentar o município para o turismo pedagógico e que esse projeto tem aberto a oportunidade.
Visita de escolas da rede municipal
A visita será aberta também para grupo de alunos das 7ª e 8ª séries do ensino fundamental da rede municipal de ensino de São Roque que já deve começar no início de maio.
Segundo o coordenador pedagógico, Jailton Nunes de Almeida, antes será proporcionada aos professores a visita ao local para conhecerem a finalidade do projeto e, posteriormente, realizarem um trabalho mais aprofundado com os alunos.
Guia São Roque

Marcadores: , ,

PODE CRER, É VERDADE! - 30-4-10

Volta da pescaria...

Jornal das Moças e os ensinamentos do passado

O Jornal das Moças, uma publicação semanal do Rio de Janeiro, era distribuído por todo o Brasil, nas capitais e em algumas cidades do interior. Era anunciado como “revista semanal ilustrada”, e circulava às quartas-feiras, entre os anos de 1914 e 1965.
Inspirava-se nos magazines ilustrados ou revistas de variedades do século XIX, comentando sobre assuntos considerados, na época, como próprios das mulheres. Trazia comentários sobre moda, conselhos domésticos, divulgação de contos, poemas, piadas, notícias de cinema, curiosidades, receitas culinárias, moldes de roupas da estação, fotos da sociedade fluminense, anúncios de cosméticos, de medicamentos, de lojas especializadas em artigos femininos e infantis, partituras musicais, resenhas de filmes, sugestões de leitura.
Mas o mais interessante nesse jornal eram os ensinamentos passados às mulheres.
Veja abaixo a lista de frases retiradas do Jornal das Moças devidamente comentadas por nós.
- Não se deve irritar o homem com ciúmes e dúvidas.
- Se desconfiar da infidelidade do marido, a esposa deve redobrar seu carinho e provas de afeto.
- A desarrumação numa casa-de-banho (banheiro) desperta no marido a vontade de ir tomar banho fora de casa.
- A mulher deve fazer o marido descansar nas horas vagas. Nada de incomodá-lo com serviços domésticos.
- Se o seu marido fuma, não arranje zanga pelo simples fato de cair cinzas nos tapetes. Tenha cinzeiros espalhados por toda casa.
- A mulher deve estar ciente que dificilmente um homem pode perdoar a uma mulher que não tenha resistido a experiências pré-núpciais, mostrando que era perfeita e única, exatamente como ele a idealizara.
- É fundamental manter sempre a aparência impecável diante do marido.
Edu


Indiano diz que não come nem bebe há 70 anos
Médicos estão a investigar este homem que afirma ter sido abençoado por uma deusa
Um indiano de 83 anos, alegadamente santo, está a ser estudado pelos médicos por uma estranha razão. O ancião afirma ter passado os últimos 70 anos sem comer nem beber, adianta a «Sky News».
Os médicos militares têm esperança que as investigações possam ajudar os soldados a desenvolver estratégias de sobrevivência. Prahlad Jani está em observação permanente, sob o olhar atento de 30 médicos, durante três semanas de testes. Foi instalada uma câmara no quarto do hospital e uma outra acompanha-o sempre que ele se desloca.
«Este estudo pode descobrir a sobrevivência humana sem comida ou bebida», afirmou o director da investigação, G. Ilavazahagan, acrescentando que pode «ajudar nas estratégias de sobrevivência durante catástrofes naturais».
Desde o início da experiência, a 22 de Abril, que Jani não come, não bebe e não utiliza a casa de banho.
G. Ilavazahagan explicou que querem perceber «que energia garante a existência» de Jani, e contou que «ele medita para ter energia».
Jani garante ter sido abençoado por uma deusa, quando tinha oito anos e, desde então, pode viver sem comer.
Portugal Diário

Depois de gastarem fortuna para se livrarem dos ratos ilha agora é invadida por coelhos
A última vez que a pequena ilha de Canna, na Escócia, viu um rato foi há quatro anos, quando chamou um especialista para eliminar o animal das redondezas. À época, foram gastas 600 mil libras, cerca de R$ 1,6 milhão.
Entretanto, desde 2006 o número de coelhos vem aumentando desenfreadamente na ilha. Com a falta de ratos para espantá-los, os animais estão se espalhando por Canna.
Segundo reportagem do jornal "Telegraph", os monumentos históricos de Canna estão sendo destruídos por coelhos, assim como os jardins da ilha.
O problema todo começou em 2005, quando muitos ratos circulavam pela ilha e os cerca de 20 habitantes se sentiram incomodados. Um especialista eliminou os mais de 10 mil ratos em fevereiro do ano seguinte.
"Desde que os ratos se foram, vemos centenas de coelhos tomarem conta da cidade. Não queremos os ratos de volta, mas os coelhos estão dominando a ilha", contou Winni Mackinnon, moradora de Canna.
Conta Outra

Marcadores: , ,

HÁ! HÁ HÁ, RI, DE QUE? - 30-4-10

Estimulante feminino...
"KATON" - Estimulante Feminino!
Um cientista chinês descobre o Viagra" feminino.
O produto é conhecido na China pelo nome de "KATON".
Transcrição da entrevista:
Jornalista:
- O que acontece quando dá KATON à sua mulher?
Chinês:
- Mulhel fica alegle, calinhosa e bondoóóósa. Beija e ablaça o dia inteloo e noite intelinha. Non dá sossego, ela qué tlansal quantas vezes tu aguentas. Chama-te meu amol, minha vida, adolo-te, amo-te !
Jornalista:
- Esse produto é assim tão fantástico ?
Chinês:
- SIM ! SIM ! SIM ! Galantido ! funciona muuiiitooo... mesmo ! Non falha nunca!-
Jornalista:
- O nome do produto é só... "KATON" ?
Chinês:
- SIM ! SIM ! "KATON" ... "KATON DE CLÉDITO"!!!

 
 










Marcadores: ,

29 abril, 2010

PLAQUINHA DE HOJE - 29-4-10

Série: Humor
"OSCAR NIEMEYER É O ÚNICO QUE
PODE USAR UM LIVRO DE HISTÓRIA
COMO PORTFÓLIO!"

Marcadores:

ATUALIDADES - 29-4-10

'Alice no País das Maravilhas' bate recorde da Disney no Brasil
A história da menina que cai na toca de coelho e é transportada para uma terra fantástica, povoado de seres estranhos, somou vários recordes em seus três primeiros dias de exibição.
É a maior abertura de um filme original (que não é sequência) da Disney, é a quarta maior abertura da indústria e também o quarto filme da história a ultrapassar a marca dos R$ 10 milhões em apenas 3 dias em cartaz.
Do resultado obtido, o 3D foi responsável por 47% do total de público e 58% do total de renda bruta. Já o 2D foi responsável por 52% do total de público e 40% do total da arrecadação bruta. As duas salas IMAX ficaram com 1% do público e 2% da renda.
A versão de Tim Burton desse clássico literário traz Johnny Depp (parceiro de longa data do diretor) na pele do Chapeleiro Louco, a atriz australiana Mia Wasikowska (mais conhecida pelo seriado “Em Terapia”, da HBO) no papel da protagonista, Helena Bonham Carter como a Rainha de Copas e Anne Hathaway como a Rainha Branca, entre outros atores do elenco.
Cine POP

Marcadores:

EXPOSIÇÕES - 29-4-10

Museus Rio de Janeiro

• MAM RJ
Avenida Infante Dom Henrique, 85 - RJ/RJ - CEP: 20021-140
TEL- 21- 2240-4944/2240-4899

• MAC Niterói
Mirante da Boa Viagem, s/nº - Niterói/RJ
TEL- 21- 2620-2400 21- 2620-2400

• Paço Imperial/IPHAN
Praça XV de Novembro, 48 - RJ/RJ - CEP: 20010-010
TEL- 21-2533-4207 21-2533-4207 Fax - 2533-4359 2533-6613

• Museu da República/IPHAN
Rua do Catete, 153 - RJ/RJ - CEP: 22220-000
TEL- 21-2285-6320/2285-6350 Fax- 2285-0795

• Museu Castro Maya/Museu da Chácara do Céu/IPHAN
Rua Murtinho Nobre, 93 - RJ/RJ - CEP: 20341-050
TEL - 21 -2224-8981/2224-8524

• Museu da Cidade
Estrada de Santa Marinha, s/nº - RJ/RJ
TEL- 21-2512-2353 2294-5990

• Museu do Ingá
Rua Presidente Pedreira, 78 - Niterói/RJ.
TEL: 21-2621-0391 21-2621-0391

• Museu do Açude
EST. do Açude, 764 - Alto da Boa Vista/RJ - CEP: 20531-330.
TEL: 21-2492-5443/2119
E-mail: açude@museuscastromaya.com.br

Fundações
• Casa França Brasil
Rua Visconde de Itaboraí, 78 - RJ/RJ - CEP: 20010-060.
TELEFAX - 21-2253-5366

Institutos
• Instituto Moreira Salles/RJ
Rua Marquês de São Vicente, 476 - RJ/RJ - CEP: 22451-040
TEL- 21- 3284-7400 21- 3284-7400 Fax: 2239-5559

Centros Culturais
• Centro de Artes Hélio Oiticica
Rua Luís de Camões, 68 - RJ/RJ - CEP: 20060-040
TEL- 2232-4213 2232-2213

• Parque das Ruínas
Rua Murtinho Nobre, 169 - RJ/RJ
TEL- 21- 2252-0112 2252-1039

• Centro Cultural do Banco do Brasil
Rua Primeiro de Março, 66 - RJ/RJ - CEP: 20010-000
TEL: 21-3808-2020 21-3808-2020

• Centro Cultural da Justiça Federal
- AV. Rio Branco, 241 - RJ/RJ - CEP: 20040-009
TEL: 21- 3221-2550 21- 3221-2550

• Centro Cultural Oduvaldo Viana Filho / Castelinho do Flamengo
Praia do Flamengo, 158 - RJ/RJ.
TEL: 21-2205-0276 21-2205-0276

• Casa de Cultura Laura Alvim
AV. Vieira Souto, 176 - RJ/RJ.
TEL: 21-2267-1647 21-2267-1647

• Centro Cultural dos Correios
Rua Visconde de Itaboraí, 20 - RJ/RJ.
TEL: 21-2253-5366 21-2253-5366

• Espaço Cultural Sérgio Porto
Rua Humaitá, 163 - RJ/RJ
TEL: 21-2266-0896 21-2266-0896

• Centro Cultural da LIGHT
AV. Marechal Floriano, 168 - RJ/RJ
TEL: 21-2211-4420/7529

Galerias
• Centro Cultural Cândido Mendes
Rua da Assembléia, 10, subsolo - RJ/RJ
TEL: 21-2531-2000 21-2531-2000

• Galeria de Arte da UFF
Rua Miguel de Frias, 09 - Niterói/RJ
TEL: 21-2629-5029 21-2629-5029

• Galeria do Espaço BNDES
AV. Chile, 100 - RJ/RJ.
TEL: 21-2532-0163 21-2532-0163

Outros
• SESC- Serviço Social do Comércio
Várias unidades em todo o estado e no país

• SESI - Serviço Social da Indústria
várias unidades no estado e no país

• Projeto Portinari
PUC-Rio - Rua Marquês de São Vicente, 225 - RJ/RJ - CEP: 22453-900
TEL- 21- 3114-1438/1439/1440/1441
Artes.com

Marcadores:

CULTURA, PATRIMÔNIO CULTURAL E HISTÓRICO - 29-4-10

Financiamento de projetos de pesquisa
*CNPq e Capes financiam projetos de pesquisa em ciências humanas e sociais*
Com o objetivo de apoiar projetos de pesquisa científica e tecnológica que visem contribuir significativamente para o desenvolvimento do país, no âmbito das Ciências Humanase Sociais e Sociais Aplicadas, mediante o financiamento de projetos de pesquisa com mérito científico, o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) lançaram na terça-feira, dia 20, o Edital 02/2010.
Serão investidos *R$ 8 milhões*, sendo 50% da Capes e 50% do CNPq. Os projetos aprovados terão o valor máximo de R$ 20 mil para gastos com itens de custeio e capital e o prazo máximo de execução estabelecido em dois anos. A data limite para submissão das propostas é *4 de junho*. Os interessados devem encaminhar os projetos ao CNPq exclusivamente via Internet, por intermédio do Formulário de Propostas /on-line/ disponível na Plataforma Carlos Chagas.
O proponente deve possuir o título de doutor e ter seu currículo cadastrado na /Plataforma Lattes/, ser obrigatoriamente o coordenador do projeto, ter vínculo formal, empregatício ou funcional, com a instituição de execução do projeto, em departamentos das áreas de Ciências Humanas, Sociais e Sociais Aplicadas ou em programas de pós-graduação dessas áreas.
As propostas aprovadas serão contratadas na modalidade de Auxílio Individual, em nome do coordenador, mediante assinatura de Termo de Concessão e Aceitação de Apoio Financeiro a Projeto de Pesquisa Científica e/ou Tecnológica. A divulgação dos resultados no Diário Oficial da União e nas páginas do CNPq e da Capes na internet está prevista para julho.
Assessoria de Comunicação do CNPq

Educação e órgãos públicos avaliam o PAC das Cidades Históricas
O secretário de Estado da Educação e Cultura (SEEC), Francisco de Sales Gaudêncio, reuniu representantes de diversos órgãos públicos com a finalidade de tratar de ações voltadas para o Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) das Cidades Históricas, a exemplo de João Pessoa e Areia. A reunião aconteceu na manhã desta segunda-feira (26) no Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico do Estado da Paraíba (Iphaep), em João Pessoa.
Presentes ao encontro, o secretário de Estado do Turismo e Desenvolvimento Econômico (SETDE), Diego Tavares; o subsecretário de Cultura do Estado, David Fernandes; do presidente do Iphaep, Damião Ramos Cavalcanti, além de representantes do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) e dos municípios de Areia e João Pessoa.
Parcerias – As cidades de João Pessoa e Areia estão entre os municípios brasileiros que serão beneficiados com projetos de restauração do patrimônio histórico e, por isso, representantes do Iphan estiveram em João Pessoa para firmar parcerias com o Estado.
“Os projetos estavam parados no Ministério da Cultura porque o Estado não havia oferecido as condições necessárias para a concretização desses convênios. A partir de agora, o Governo do Estado está envidando todos os esforços para que isso ocorra. Tanto é assim que estamos nos reunindo e contando com a parceria de várias secretarias, num trabalho de união de forças para que a Paraíba seja incluída definitivamente no PAC da Cultura e das Cidades Históricas”, ressaltou o secretário Sales Gaudêncio.
Integração – O secretário de Estado de Turismo e Desenvolvimento Econômico, Diego Tavares, acha que o importante é a integração das secretarias e o projeto possa ser desenvolvido.
“Nós temos atrativos turísticos, mas precisamos da união de outras secretarias para que haja infraestrutura para a realização do projeto. Estamos dando um grande passo nessa reunião porque sentimos a vontade do Governo em preservar o seu patrimônio histórico”, disse.
Preservar é preciso – Já o presidente do Iphaep, Damião Ramos Cavalcanti, disse que essa iniciativa do Governo do Estado é louvável e que há uma necessidade urgente de preservação das cidades históricas.
“Podemos observar que se não fizermos nada agora, a tendência é que as características das cidades antigas comecem a desaparecer. Aqui em João Pessoa temos o exemplo dos casarões da Rua das Trincheiras e todo o Porto do Capim. Com o tempo e novas construções nesses locais, algumas características já desapareceram. Os telhados antigos estão sendo substituídos por telhas de amianto e isso é deplorável. Com a inclusão de projetos de João Pessoa e Areia no PAC das Cidades Históricas estamos dando um salto na proposta de recuperação do patrimônio de nossas cidades”, destacou.
O que é – O Plano de Ação para as Cidades Históricas é um instrumento de planejamento integrado para a gestão do patrimônio cultural com enfoque territorial. O Plano não deve se restringir ao perímetro protegido ou ao conjunto de bens tombados. Deve-se considerar a dinâmica urbana no seu todo.
No documento são definidos objetivos, ações e metas para orientar a atuação integrada do poder público em suas diferentes instâncias, setor privado e sociedade civil organizada.
O Plano de Ação será elaborado em conjunto pelo Iphan, Estados e Municípios. A Superintendência do Iphan no Estado será responsável por coordenar a elaboração do documento e fornecerá apoio às atividades de capacitação, difusão e participação da sociedade.
Iphan, Estados e Municípios deverão designar equipe técnica para participar diretamente dos trabalhos de desenvolvimento dos Planos de Ação e garantir a integração intersetorial entre os órgãos da administração pública pertinentes. Aos municípios caberá, com o apoio necessário, o compromisso pela realização de todas as etapas.

Mineração sufoca e depreda patrimônio natural e histórico de MG
Se por um momento os 12 profetas de Aleijadinho, postados há mais dois séculos no adro da Basílica Bom Jesus de Matosinhos, em Congonhas, no fim da Serra da Moeda, ganhassem vida e pudessem fazer um pedido, não seria improvável que quisessem ter os seus olhos vendados. As estátuas, parte de um conjunto histórico formado pela igreja e por 12 capelas que reconstituem os passos da Paixão de Cristo na cidade, reconhecido pela Unesco como patrimônio cultural da humanidade, são testemunhas passivas da devastação do meio ambiente e do inchaço descontrolado de um município embaçados pelas nuvens de pó vermelho provenientes da exploração de minério de ferro.
Fonte: O Estado de Minas, 25 de abril 2010. Foto: Philippe Revelli
Mas eles não estão sozinhos. Se também ganhassem vida, as serras mineiras mostrariam um semblante tão ou mais angustiado do que os profetas de pedra sabão do mestre do barroco brasileiro.
Esburacadas como queijo suíço pela mineração, as serras da Moeda, do Itatiaiuçu, da Piedade, do Rola Moça, do Gandarela e da Ferrugem abrigam cidades encardidas (veja mapa e problemas das serras na página 17) .
Ao contrário da expectativa de melhoria de qualidade de vida, alimentada pelo anúncio de cifras bilionárias de investimentos, a maior parte das cidades que abrigam esse tipo de atividade continua pobre. Entre os 306 municípios mineradores no estado, apenas 40 concentram 80% da arrecadação com a Compensação Financeira pela Exploração de Recursos Minerais (Cfem). Municípios como Jeceaba, na Região Central, vizinho de Congonhas, recebem R$ 20,58 ao ano a título de royalty do minério. No fim de 2009, um abaixo assinado por 600 habitantes da cidade protestava contra a construção de duas barragens de rejeitos no município. Elas integram o projeto da Ferrous, em Congonhas, para a produção de 15 milhões de toneladas de minério de ferro ao ano.
Em fevereiro, a arrecadação total de Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Prestação de Serviços (ICMS) em Minas Gerais foi de R$ 1,87 bilhão. A mineração ficou em 10º lugar, com R$ 7,2 milhões. A baixa arrecadação é fruto da exportação de minério bruto, que sai direto da mineradora para o porto, sem beneficiamento no estado. No primeiro trimestre, a extração de minério respondeu por 26,71% do total exportado pelo estado. No que diz respeito à criação de empregos, a situação não é muito mais animadora. Levantamento feito pela Fundação João Pinheiro (FJP) a partir de dados da Relação Anual de Informações Sociais (Rais) e do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), mostra que em fevereiro deste ano a mineração respondia por 1,09% do total de empregos no estado. O dado não leva em conta os empregos indiretos da cadeia mineral.
Em muitos casos, além disso, a população mal vê a cor do dinheiro porque faltam políticas públicas adequadas e fiscalização na hora de aplicá-las. A expectativa de desenvolvimento rápido tropeça na falta de infra-estrutura básica para receber os investimentos do setor. O resultado são problemas de trânsito semelhantes aos das grandes metrópoles, aumento vultuoso da violência, chegada da prostituição, favelização, doenças, colapso no sistema de saúde, disparada dos preços dos aluguéis, destruição do patrimônio ambiental, histórico e artístico. Para não falar da mudança radical de sua vocação econômica. A situação tende a piorar ainda mais por causa da elevação da demanda pelo minério no mercado global, o que aumenta o apetite de empresas de capital nacional e internacional no segmento.
Em Congonhas, a Companhia Siderúrgica Nacional (CSN), única entre as grandes a ter capital exclusivamente nacional, vai investir R$ 9,5 bilhões na ampliação da produção da mina Casa de Pedra – de 16 milhões para 55 milhões de toneladas dentro de cinco anos –, na instalação de uma unidade de transformação do minério de ferro em pelotas de minério (pelotização) e na construção de uma nova siderúrgica. Em 2009, a população estimada da cidade eram de 48 mil habitantes, mas a expectativa é que irá dobrar de volume nos próximos cinco anos em razão dos investimentos anunciados. Estima-se que, hoje, os habitantes flutuantes do município já somam cerca de 15 mil pessoas.
É entre 6h e 7h da manhã que um dos efeitos danosos do aumento populacional começa a se fazer sentir na cidade. “Nesse horário, é impossível trafegar na Avenida Júlia Kubitschek (a principal de Congonhas). Às 18h, quem chega gasta uma hora para percorrer um trecho de 2 quilômetros que vai do trevo ao centro ”, reclama Gualter Monteiro, dono da imobiliária Imgel e ex-prefeito da cidade por três mandatos. O disparate entre o valor anunciado dos investimentos e seus efeitos negativos para o município podem ser resumidos numa frase do promotor Luciano Badini, coordenador do centro de apoio do meio ambiente do Ministério Público Estadual. “Só a expansão da mina e a construção da planta de pelotização já são suficientes para transformar Congonhas numa nova Cubatão”, sustenta, referindo-se à cidade paulista que era símbolo de poluição.
Na chuva, lama. Na seca, poeira
A caminho de Belo Vale, também na Serra da Moeda, as montanhas estão entrecortadas por uma paisagem lunar devido à exploração do minério. Há cerca de dois anos, um trecho do rodovia 442, que liga a cidade à BR -040, foi assoreado pelos rejeitos de minério da empresa Minas do Itacolomi e a estrada foi interrompida. A construção de um desvio, de terra batida, não devolveu a normalidade ao trecho, por onde carretas e caminhões pesados trafegam incessantemente. Hoje, duas grandes mineradoras atuam na região Vale e CSN. Sem contar as de menor porte, que produzem minério para vender para as gigantes. A 442 é uma rodovia íngreme e cheia de curvas perigosas.
“Quando chove tem lama, quando está seco, tem muita poeira. As carretas de minério trafegam mal enlonadas. Isso quando há lona. E a maior parte dos carros que passam frequentemente por aqui têm os parabrisas trincados pelas pedrinhas de minério”, diz Glória Maia, da Associação do Patrimônio Histórico, Ambiental e Artístico de Belo Vale.
Em Caeté, na Serra do Gandarela, o projeto Apolo, da Vale, mexe com as expectativas da comunidade, principalmente por causa da perspectiva de desenvolvimento econômico. A cidade ficou marcada pela decadência, depois que a antiga Ferro Brasileira fechou as portas na cidade, no início dos anos 1990. Agora, o comércio já registra aumento de vendas como efeito da chegada da companhia. E no setor de serviços, alguns restaurantes comemoram o movimento maior por causa dos empregados das empreiteiras contratadas pela Vale. No restaurante Fogão a Lenha, de três meses para cá o movimento aumentou 40% e o número de pessoas atendidas nas firmas que prestam serviço à companhia aumentou de 300 para 500. Mas esse é só um lado da moeda.
“A empresa está chegando, mas Caeté, como todos os municípios do estado, não tem planejamento urbano ou rural”, diz Ademir Martins Bento, representante do Movimento Artístico, Cultural e Ambiental de Caeté (Macaca). A cidade tem 40 mil habitantes e espera receber cerca de 4 mil trabalhadores indiretos durante a construção da planta da mina. “Isso pressiona os preços da moradia. Além disso, a estrutura de saúde em Caeté andou delicadíssima nos últimos anos. A Santa Casa está fecha não fecha.” De acordo com ele, o poder público municipal aposta na chegada da Vale como uma espécie de salvação. “Mas isso não está escrito no papel”, observa. (ZF)

Marcadores: , ,

INTERESSA, OU NÃO? - 29-4-10

Concurso UFMG (Universidade Federal de Minas Gerais)
Consulte o edital e as informações no site http://www.eba.ufmg.br/  
Concurso para professor DE/UFMG na área de:
Conservação-Restauração de Pintura e Escultura
Conservação-Restauração de Papel
Conservação Preventiva
APCR

Marcadores:

PODE CRER, É VERDADE! - 29-4-10

Serviu-lhe a carapuça?

Em Miami manequins de lojas passam a ter seios fartos
As lojas de Miami, no estado da Flórida (EUA), estão mudando suas vitrines para agradar ainda mais as clientes turbinadas. É cada vez mais constante o número de manequins com seios fartos.
Segundo o tabloide britânico "The Sun", os lojistas querem representar o grande número de mulheres que colocam silicone e visitam as lojas da cidade em busca de peças que se ajustem as suas novas medidas.
Conta Outra

Indonésios que aumentam pênis são impedidos de servir o Exército
Os indonésios que tenham se submetido a um processo de aumento do pênis não poderão se apresentar para os testes de acesso da polícia e do exército porque seu órgão sexual poderia resultar um "obstáculo", informou nesta segunda-feira a imprensa local. Assim explicou o chefe da Polícia Nacional em Papua, Bekto Suprapto, ressaltando que este procedimento, seja por intervenção cirúrgica ou por métodos tradicionais, pode representar um "impedimento na hora de treinar".
"Se (o candidato) o fez, será considerado como 'não apto' para ingressar na polícia e no exército", afirmou ao explicar o novo regulamento de admissão de pessoal. A medida é especialmente dirigida aos membros de vários grupos étnicos papuanos, que costumam esfregar seus órgãos sexuais com a folha urticante de uma árvore chamada "gatal-gatal" que produz um forte inchaço, segundo o jornal The Jakarta Globe. Além disso, a Polícia e o Exército indonésios devem descartar todos os candidatos que sofram de algum tipo de doença sexualmente transmissível.
EFE

Ladrões assaltam cadeia para roubar... reclusos
Aproveitam as folgas dos detidos para invadirem a cadeia e roubar-lhes objectos
Já nem na prisão se pode estar sossegado. Em Amesterdão, o local preferido dos ladrões para a realização das actividades criminosas é exactamente a prisão, avança a Sky News.
Em menos de dois meses já se registaram dois assaltos. Os prisioneiros têm direito a uma folga semanal e é nessa altura que os ladrões aproveitaram para lhes roubar as televisões, entre outras coisas.
De acordo com o Ministério da Justiça da Holanda, a cadeia não apresenta grandes níveis de segurança, por se tratar de um espaço que visa a aproximação do recluso com a sociedade.
Tão próximos ficaram da sociedade que nem da experiência de serem roubados os querem privar.
Portugal Diário


Marcadores: , ,

HÁ! HÁ HÁ, RI, DE QUE? - 29-4-10

Fatos interessantes na história da Sexualidade
• Em 1600 cristãos que viviam na Turquia tinham que pagar uma taxa. Os cobradores destas taxas freqüentemente exigiam das pessoas que mostrassem sua circuncisão para determinar quem tinha ou não que pagar.
• John Harvey Kellogg inventou o “corn flakes” sucrilhos em 1898 como parte de sua dieta para diminuir o desejo sexual e a masturbação.
• O primeiro “Dildo” pênis artificial foi vendido em 1911.
• O termo homossexualidade não é derivado do latim “Homo” homem, mas sim do Grego “Homos”, que significa “ o mesmo”.
• Durante a década de 1920 muitos homossexuais foram tratados com choque elétrico para curar o que era considerado como “doença”. Foi somente em 1973 que a homossexualidade foi oficialmente removida da lista da Sociedade Americana de Psiquiatria como um distúrbio mental.
• Alfred Wolfram bateu o recorde mundial de beijo em 1990, beijando 8001 mulheres em 08 horas, um beijo a cada 06 segundos.
• Em algumas tribos Australianas os homens cumprimentam uns aos outros pegando um no pênis do outro, como se estivessem dando as mãos.
• Mais de 8000 vídeos pornôs são produzidos anualmente, quase 22 por dia.
• Em 1999 mais de 4 bilhões de dólares foram gastos com sexo por telefone, mas mais da metade não pagou suas contas.
• De acordo com uma pesquisa realizada com proprietários de SexShops, o mais popular sabor de roupas íntimas comestíveis é “cereja”. Chocolate é o menos popular.
• Na cultura Asteca o abacate era considerado tão potente sexualmente, que as virgens eram restringidas em ter contato com o mesmo.
• Os morcegos machos tem a maior taxa de homossexualismo do que qualquer outro mamífero.
• Humanos e golfinhos são as únicas espécies que tem sexo por prazer.
• Para cada uma página “normal” na Internet, há cinco pornôs.
• A mais antiga ilustração de um homem usando um preservativo durante o ato sexual está pintada em uma parede de uma caverna na França. Sua data está entre 12.000 e 15.000 anos atrás.
Neotantra


Marcadores: ,

28 abril, 2010

PLAQUINHA DE HOJE - 28-4-10

Série: Filosóficas
"AQUELE QUE NÃO CONSEGUE RIR DE SI MESMO,
DEIXA ESSE TRABALHO PARA OUTROS!"

 

Marcadores:

ATUALIDADES - 28-4-10

Brasil se oferece para mediar disputa nuclear do Irã
TEERÃ (Reuters) - O chanceler Celso Amorim afirmou nesta terça-feira, em visita a Teerã, que o Brasil pode atuar como mediador para ajudar a resolver o impasse entre o Irã e o Ocidente sobre o programa nuclear da República Islâmica.
O ministro disse que o Brasil poderia trabalhar com a Turquia, que também já se ofereceu a ajudar, e atuar como um intermediário justo para resolver "a questão de segurança mais importante enfrentada pelo mundo hoje".
Os Estados Unidos têm feito pressão sobre os membros do Conselho de Segurança da ONU, incluindo o Brasil, por uma quarta rodada de sanções internacionais contra o Irã como uma maneira de forçar o país a abandonar atividades nucleares que o Ocidente acredita que tenham o objetivo de fazer uma bomba.
O Brasil, que reforçou os laços comerciais com o Irã nos últimos anos, afirma que novas sanções seriam contraproducentes e Amorim disse esperar que um acordo fechado no ano passado, mas nunca implementado, possa ser retomado.
"Nosso papel, em vez de reinventar a roda, é ajudar a reunir (as partes)", disse Amorim a jornalistas em Teerã antes de um encontro com o presidente Mahmoud Ahmadinejad.
"Porque, com base no que foi proposto em setembro, pode ser possível um acordo."
Aquele acordo determinava que o Irã enviaria 1.200 quilos de urânio baixamente enriquecido - suficiente para uma única bomba se purificado a um nível superior - para Rússia e França, que o devolveriam em forma de combustível para um reator de pesquisas médicas em Teerã.
Posteriormente o Irã afirmou que só aceitava trocar seu urânio de baixo enriquecimento por um material mais puro, e que a troca deveria ser realizada no próprio país.
Quando perguntado se essa troca poderia acontecer na Turquia - que faz parte da aliança militar ocidental Otan, é vizinha do Irã, e também é um membro temporário do Conselho de Segurança da ONU - Amorim respondeu: "Acredito que isso provavelmente seria parte do acordo."
GRANDE VITÓRIA
Após ter negociado com todas as principais partes envolvidas na questão, Amorim indicou que tanto Washington quanto Teerã desejam chegar a um compromisso. O Irã nega que esteja em busca de construir uma bomba atômica e garante que seu programa nuclear é apenas para gerar eletricidade.
"Nós ouvimos dos americanos que eles estão céticos, mas eles não disseram nada que nos desencorajasse a continuar nossos esforços", disse Amorim.
O chanceler acrescentou que os EUA não deveriam ver a aplicação de novas sanções da ONU como uma vitória e outro resultado como uma derrota.
"Talvez possa ser considerado uma derrota se eles não conseguirem as sanções. Se em vez das sanções eles tiverem um bom acordo, seria uma grande vitória", disse.
"Seria uma vitória muito melhor do que as sanções, que apenas podem tornar a situação mais difícil."
O presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que alertou contra "encostar o Irã na parede", deve visitar Teerã em maio, refletindo o fortalecimento de laços diplomáticos e econômicos entre os países.
Robin Pomeroy
O Globo

Marcadores: